Posted in Uncategorized

Milagre em São Joaquim! Bebê nasce perfeito contrariando a medicina com 0% de chances de sobrevivência

Por São Joaquim Online em 6 de novembro de 2015@sjonline

Maria Clara

A gestante Charlô rompeu a bolsa com 21 semanas e através dos esforços do médico conseguiu manter sua filha viva até a semana 30 algo inédito no Brasil

A gestante Charlô rompeu a bolsa com 21 semanas e através dos esforços do médico conseguiu manter sua filha viva até a semana 30 algo inédito no Brasil

Milagre! Define o médico obstetra Frederico Mendes

O Médico Obstetra Frederico Mendes Vieira ficou muito emocionado após o nascimento milagroso da bebê Maria Clara ás 3h da tarde desta última sexta-feira (06 ) no hospital de caridade Sagrado Coração de Jesus em São Joaquim.

Um caso inédito na história da medicina no Brasil

Segundo o médico, a gestante Charlô Pereira da Silva de 27 anos acabou rompendo a bolsa com 21 semanas e 4 dias e que segundo a literatura médica seria impossível manter um feto na barriga da mãe com menos de 24 semanas sem o líquido aminótico, pois a medicina apregoa que existe 100% de chances de o feto morrer, não é nem 99% é 100% diz a literatura médica. Declarou Frederico Mendes.

Parto

O parto feito ás pressas já que o feto estava no limite máximo

-“Não exite relatos de bolsa rota (ruptura prematura) de fetos que tenham sobrevivido com 63 dias (sem o líquido amniótico) existe relatos de 55 dias, mas não de 63. Vou inclusive levar ao Congresso Nacional de Medicina em Brasília e vou relatar o caso. Porque para a medicina é impossível que o feto tenha sobrevivido, isto foi um milagre, pois não existia chances, não era nem 99% de o feto morrer, era 100%… Era só levar para a sala do parto e abortar a criança para não causar riscos para a mãe.” Respondeu o Médico Frederico Mendes.

Ao ser perguntado sobre o que o levou a manter a criança no barriga da mãe por tanto tempo, mesmo contrariando a própria medicina, o médico Frederico Mendes respondeu com lágrimas nos olhos:

-“Não vou tirar… Não consigo… É a esperança de manter uma vida…”

A gestante estava internada no hospital por cerca de dois meses e nesta sexta-feira (06) após o médico observar, através de uma ultrassonografia doppler, a diminuição do crescimento do feto já no extremo limite da centralização fetal tendo, inclusive, o fluxo de sangue reduzido, ele resolveu retirar o bebê com uma cirurgia cesariana de emergência em exatos 30 semanas e 04 dias de gestação.

A Bebê Maria Clara pesou apenas 1,560kg , mas o suficiente para arrancar as lágrimas do médico e de toda os familiares especialmente do pai Anderson Martins Borges que não acreditou em outra hipótese a não ser de um milagre.

Um caso semelhante a este já ocorreu no Reino Unido e o jornais de lá como o Daily Mail, Mail online e Crawley News UK também destacaram como sendo The Miracle of Life “O Milagre da vida” que felizmente voltou a acontecer em São Joaquim SC, porém a da joaquinense Maria Clara ocorreu de uma forma mais diversificada e inédita até então.

Maria Cara (2)

Equipe do berçário medem a pequena vencedora Maria Clara que se manteve por cerca de dois meses na barriga da mãe mesmo com a bolsa rompida.

Enfermeira com Maria Clara

Enfermeira segura a Maria Clara que já recebeu o primeiro banho minutos após o nascimento.

Médico Frederico

O Pai da recém nascida Maria Clara e o Médico Obstetra Frederico Mendes não conseguiram esconder as lágrimas de emoção: “Foi um milagre… Foi um milagre” diziam eles.

 

via São Joaquim Online

.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s